Nenhum de Nós - A História




Sady Homrich e Carlos Stein se conheceram nos tempos da primeira série escolar, mais tarde, na quinta série, conhecem Thedy Corrêa. Tudo isso no colégio lasallista Nossa Senhora das Dores, em Porto Alegre.
Thedy ganhou um violão aos quatorze anos, foi aluno de violão clássico do professor Afrânio. Carlos, com quinze anos, comprou sua primeira guitarra , juntamente com seu irmão, Thedy e outro amigo em comum formam um grupo folk batizado de Quarteto Jererê.


Na faculdade, Carlão foi um dos fundadores do grupo Engenheiros do Hawaii. Depois de dois shows, saiu para formar uma banda com os amigos Thedy e Sady, sendo que este tinha na faculdade um grupo de samba-de-raiz chamado "Grupo do Fadinho". Após decidirem formar a banda, Sady começou a ter aulas de bateria.Ensaiavam quase todas as tardes no bar Bangalô, onde Sady trabalhava como músico.


O espetáculo de lançamento do trio com o nome Nenhum de Nós foi no mesmo bar. Precisavam de um nome para a apresentação. Eles buscavam um nome que provocasse curiosidade e que denotasse algo em comum entre os três: "Nenhum de nós" enxerga direito; "Nenhum de nós" rodou na escola; "Nenhum de nós" foi para o quartel etc. De tanto se repetir ficou este o nome: "Nenhum de Nós".


Após algum tempo, foram chamados para abrir um espetáculo do DeFalla na Sociedade de Amigos da Praia do Imbé (SAPI) e, devido a um imprevisto, se atrasaram. Isto fez com que o DeFalla iniciasse seu show e os meninos do Nenhum tocassem depois. O produtor e a banda, que acabou tocando antes, foram obrigados a esperar o show do Nenhum acabar pois eles utilizariam o mesmo equipamento de som. Antônio Meira, o produtor, gostou da música dos jovens e pediu uma fita demo, que enviou às gravadoras. Foram então para a cidade de São Paulo para gravar seu primeiro disco, em junho de 1987.
O 1º disco do Nenhum de Nós, álbum homônimo, com 10 faixas, foi lançado em 1987.



1989 foi o ano escolhido para receber o segundo disco do Nenhum de Nós, Cardume. Disco de vendagem expressiva e que levou a música do Nenhum aos quatro cantos do país. Cardume vendeu 210.000 cópias, garantindo à banda seu primeiro disco de ouro.



Em 1990 foi lançado Extraño. O Nenhum, então formado por Thedy, Carlos e Sady, recebia ainda a participação do guitarrista, amigo e parceiro nas composições Veco Marques.


No ano de 1992 o Nenhum de Nós lançou o disco Nenhum de Nós. Esse é o 4º disco de sua carreira. A música de trabalho Ao Meu Redor teve um clipe que levou o Nenhum De Nós ao Video Music Awards. Em 1994 lançaram o primeiro álbum ao vivo. Acústico ao Vivo foi gravado no Theatro São Pedro. O álbum vendeu mais de 100.000 cópias, ganhando um disco de ouro.


Devido a dificuldades, a banda teve que começar a fazer álbuns independentemente ou em gravadoras menores. Em 1996 lançaram Mundo Diablo, disco que apresenta fortes influências da música latina. Gerou o hit Vou Deixar Que Você Se Vá. Em 1998 lançaram Paz e Amor. Mixado no País de Gales, saído pela Paradoxx Music. Em 2000 lançaram Onde Você Estava em 93?, disco gravado em 1993, mas que só foi lançado em 2000 pois a gravadora não acreditava no potencial mercadológico.


Em 2001 lançaram o disco Histórias Reais, Seres Imaginários. A música de trabalho Amanhã Ou Depois chegou a ficar entre as mais tocadas nas rádios. Em 2002 gravaram outro acústico. Acústico Ao Vivo 2, lançado em 2003, foi um grande sucesso comercial, assim como o primeiro. Vendeu 100.000 cópias, garantindo ao Nenhum De Nós o seu 3° disco de ouro. Em 2005 lançaram o álbum Pequeno Universo que gerou os hits Dança do Tempo, Feedback e Igual a Você. Em 2008 lançaram A Céu Aberto. Este ábum é o registro do show em comemoração aos 20 anos da banda, que aconteceu em 2007.


Em 2011, após 6 anos sem lançar nenhum álbum de estúdio, lançaram Contos de Água e Fogo, disco que conta com várias parcerias. Último Beijo e "Pequena" foram os principais singles. Em 2012, o álbum Acústico ao Vivo foi relançado em CD. Ainda neste ano, foi lançada a coletânea Nenhum de Nós Outros, com as músicas de outros artistas que foram regravadas pela banda.





0